+ Responder Tema
Resultados 1 al 9 de 9

Tema: Guia Para Iniciantes Em Coco

  1. #1
    Fecha de Ingreso
    03 feb, 05
    Ubicación
    Brasil
    Mensajes
    2,033
    Gracias
    1,143
    3,633 gracias recibidas en 865 Posts
    Mencionado
    125 Mensaje(s)
    Etiquetado
    81 Tema(s)
    Citado
    68 Mensaje(s)

    Guia Para Iniciantes Em Coco

    galera o meu amigo QueijoMinas traduziu la do icmag, postou no gr e me autorizou a postar aqui tambem



    Salve rapaziada!

    Achei esse texto ótimo, cheio de dicas interessantes!

    http://www.icmag.com/ic/showthread.php?t=74575

    Tai a tradução galera!
    Adaptei algumas coisas como Galoes para Litros, F para ºC, tmb tirei algumas piadas sem graça. Se alguem notar algum vacilo, comunique q eu arrumo.
    Lembrando que o texto foi retirado do ICMAG e o link esta acima.

    Segue o texto traduzido:

    Como plantar em coco.

    Esta é uma cartilha básica e destinada a todos que queiram experimentar um plantio usando coco como midia.

    Eu sempre escuto as pessoas com as mesmas questões sobre o plantio em coco. De início, quero que saibam que acredito no "menos é melhor" vou passar o básico para plantar em coco e na maior parte dos casos, é exatamente como eu planto. O que eu faço não é secreto e não sou melhor nisso do que os novatos serão, basta seguir.

    Acima de tudo, prestem atenção nas plantas. Encontre um guia de doenças em plantas e estude. Há muitos problemas que você não terá que se preocupar com coco, mas estude assim mesmo. Se você faz isso, você não vai destruir nenhuma planta, hehe.


    Água:

    Eu uso a água que drena do meu desumidificador, minha fonte de água feita por osmose reversa (água sem minerais), mas vou me referir a ela como RO, por razões de simplicidade.

    Eu misturo 50/50 metade água de RO e metade com água da torneira. Utilizar a água da torneira dá alguns minerais que minhas plantas precisam. Usando a combinação acima, o uso de Cal-Mag não é mais necessário.

    Sempre depois que você adicionou os nutrientes, o PH da água tende a diminuir (ou aumentar). Não se esqueça de agitar a água para dispersar os nutrientes antes de verificar o PH - CE / ppm.


    Nutrientes:

    Certifique-se que os nutrientes que você vai começar são destinados a serem usados em coco. Coco é especial, hehe. Lembre-se: Use nutrientes específicos para coco.

    Desconte a CE da água quando adicionar nutrientes, quero dizer, se alguém te disser que a nutrição é um certo valor de ppm/ CE, ele esta falando que esse valor é a CE ou ppm apenas dos nutrientes, não estão levando em conta os minerais contidos na sua água de torneira.

    Eu uso Canna A & B, Rhizotonic e Cannazyme (de vez em quando)
    PK 13/14 é utilizado duas semanas na floração e outras duas semanas antes da colheita. Você não precisa fazer isso, mas eu faço.

    Canna A & B é a espinha dorsal do crescimento. Você começa em pequenos níveis, alimentando assim que ver as primeiras folhas verdadeiras sobre a muda, você continua alimentando todo o ciclo, até você iniciar o flush para se preparar para colheita.

    Em primeiro lugar vou usar Canna A / B - 0.5ml/L logo depois que ver as folhas novas vou aumentando até 6ml para cada 3,6 L para o resto do crescimento. Neste estagio é só manter a água com o PH de 5,8. neste momento, elas precisam de pouco nutriente, e nutriente demais vai matar.

    Não utilize Sal de Epson com coco. Não coloque em seu vaso. E eu não estou tentando iniciar um debate sobre soluções nutritivas. SAL! Nós escoamos a água para se livrar dele!


    Mídia:

    Eu já usei Canna coco e B'Cuzz coco. Eu uso essas duas marcas por não ser necessário lavar. Eu não tenho nenhuma experiência com outras marcas, mas eu sei que esses dois são seguros para uso, sem lavar.

    Eu uso 100% coco. Não são necessários componentes adicionais e acho que qualquer outra coisa adicionada ao coco só complica o cultivo, desnecessariamente.


    Iluminação:

    Eu uso 8 fluorescentes T5, juntamente com uma 250W CFL (aquelas que conhecemos como lampada economica) para mães e clones. E, em seguida, coloco sobre HQI se eu decidir que quero vegetar as plantas um pouco mais doque vegeto com as Fluorescentes.


    Vegetativo:

    Meu ciclo é de 20/4 e eu uso porque ví em um teste onde diferentes ciclos de luz foram utilizados para vegetar e os resultados foram registrados. Estou feliz com os resultados desse cilco 20/4 e recomendo. Tenho grandes rendimentos obtidos utilizando este fotoperiodo e não vou mudar. As plantas parecem “sturdier” e o rendimento utilizando 20/4 parece ser acima da média com o que eu tenho comparado em torno do Fórum (icmag).

    Eu uso HPS para Florir. Tenho 2 de 400W e 1 de 600W disponíveis e vou usar todas elas durante a floração. Vocês podem ver em algumas das minhas fotos que eu não estou dutando elas agora. Eu vegetei em um armário e era necessário o refletor fechado para manter o fluxo de ar (dutos) e manter a temperatura baixa. Agora que estou usando o meio do quarto não é necessário dutar, as luzes estão abertas. Mantenho as luzes com uma boa distância entre as plantas para evitar queimaduras leves.


    Ambiente:

    Eu uso ar condicionado para esfriar o quarto. E também uso uma desumidificador para manter a umidade relativa do ar como desejo. Como eu disse, eu uso a água que sai desse desumidificador para a rega.
    Eu uso um ventilador para soprar para dentro da floresta, hehe, e faz circular o ar. Tenho um enorme filtro de carbono no armário que uso para as mães, clones e mudas com potencia de 475cfm com uma ventoinha puxando ar. Ele puxa o ar da floração, filtra e joga de volta na mesma sala. A porta para a Floração está vedada e cheiro do quarto do vegetativo é mínimo.

    Eu mantenho o Ar Condicionado em 72f (22º C) , e a temperatura no topo das plantas fica em torno de 78f-80f (25 – 26º C). Exaustão pelo filtro de carbono que sai do armário, junto com o vento do AC e do ventilador, mantém tudo em movimento na sala.


    A rega:

    Eu rego minhas plantas manualmente e acredito que esse seja o melhor caminho. Quando você rega manualmente, você gasta tempo com as plantas e você pode aprender por dentro e por fora.
    Recomendo que todos os iniciantes reguem manualmente. Realmente dá a você um conhecimento que você não vai obter de qualquer outra forma. E sinto que significa muito. Como um piloto durante os últimos 40 anos eu aprendi desde o início que, em um vôo que dura mais tempo do que 2 horas, eu precisava voar a última meia hora manualmente e desligar o piloto automático para voltar a sentir o avião.

    De qualquer forma, vamos voltar ao tema da erva, hehe. Depois de conseguir colher, você pode ir para um sistema de rega que irá tornar sua vida um pouco mais fácil. Como um sistema de gotejamento. Eu uso um sistema de recirculação gotejamento e apenas mantenho o reservatório com a nutrição que preciso, e ele rega 2 vezes ao dia para mim.


    Nunca deixe o coco secar! Sempre de água até vazar, pelo menos, 15%! No meu livro, estas duas coisas são imperativas. Você não vai conseguir dar um overwater no coco. Eu não me importo o que você leu em outros locais. Você pode ser capaz de dar mais água do que o necessário, mas você não vai matar as plantas por Overwater, como aconteceria no solo. O coco é como uma esponja, ele segura água e, em seguida, libera o excesso e deixa escorrer. Usando gravidade como um passivo meio de trânsito, a água velha puxa a água nova e escoa. À medida que a água puxa o resto de nutrientes do fundo do vaso, ela puxa oxigênio e nutrientes frescos a partir do topo. Desta forma, toda vez que você regar, você troca toda a água do vaso. Solução nova é boa!

    Isto não é de forma alguma um estudo exaustivo de plantar em coco, mas é o suficiente para o iniciante no coco.

    Se não concordar com nenhum dos conselhos acima, é o seu direito. Mas não me venha falar que não funciona, porque eles funcionam sim! Funcionou bem para mim e para outros. Ao menos estou dando uma direção por onde começar. Se “eles” querem complicar as coisas, adicionando um monte de coisas como: asas de barata, olhos de cobra e bolas de morcego (e merda (guano) de morcegos), e depois uma Calda de Panqueca você é livre para fazer isso. Eu não encontrei motivo para acrescentar mais alguma coisa. Eu não compreendo por que razão oxigênio, água, NPK, temperatura controlada e iluminação adequada, não são suficientes. Foi para mim. Mas eu sou apenas um simples velho agricultor com necessidades simples. Eu não preciso da excitação de um cultivo complicado. Simples é bom para mim.


    Para recordar:

    1. Regue todos os dias, pelo menos até sair 15% da água pelo fundo do vaso;
    2. pH da solução a 5,8
    3. Use 100% coco
    4. Utilize nutrientes que foram feitos para serem utilizados no coco. Especificamente no coco! Canna, Hesi, etc.
    5. Iniciar alimentação com água da torneira na fase de seedling e muito lentamente inicie o trabalho com nutrientes em doses que as plantas vão tolerar.
    6. Mantenha temperatura em torno de 76F-82f (24º - 27ºC).
    7. Manter a umidade baixa durante a Floração para controlar mofo.
    8. Forneça iluminação adequada para evitar que as plantas se estiquem muito e para maximizar a produtividade.
    9. Flush nos vasos que você acha que tem problemas.

    Não faça uma rápida alteração no pH ou ppm. Lento é bom. Se suas plantas não foram pulverizadas com AGENTE LARANJA (Herbicida usado como “desfolhante” pelos americanos na guerra do vietnã – era pra ser uma piada ) você vai ter tempo de corrigir as coisas, sempre lentamente! Não acorde um dia tentando mudar todo o rumo, faça lentamente, estamos em um barco a velas aqui.

    Siga esse texto, e você vai desfrutar os frutos do seu trabalho. Se algo apertar, flush no vaso!

    OK, estou encerrando. Não me julguem! Eu não tenho mais energia para brigar e nem quero. Nada que escrevi aqui se entende como uma condenação de outros métodos ou até mesmo de diferentes formas de plantar usando coco. Sei de outras pessoas que são bem sucedidas, têm as suas maneiras de fazer as coisas e aplaudo! Não tenho nada contra outras formas de plantar e por favor não me diga o porque de usar Calda de Guano de Morcego ou Urina de Lagarto(tirando sarro!). Para mim, eles não valem o custo, o risco, o problema, ou o tempo que leva para aprender a usar.

    Boa água, bons nutrientes, boa iluminação, boa temperatura e bom ar! Isso deve bastar.

    Paz

    ADICIONAIS:

    Durante a fase de mudas (seedling), e enquanto elas ainda estão nos copos, as raízes realmente precisam se desenvolver. Você começa a fazer assim, deixando o coco nos copos quase secarem. Eu quero dizer ao ponto que, quando você levantar o copo, que ele esteja bem leve. Isso faz com que as raízes vão para o fundo do copo para procurar água, e ao fazer isso o sistema radicular realmente desenvolve.

    Normalmente, em alguns dias você vai ver as raízes saindo pelo fundo do copo, aí esta pronto para transplantar para um vaso maior.

    Eu planto direto em um vaso de 3 galoes (aproximadamente 12 Litros). Não vejo razões para ir transplantando de vaso em vaso, a não ser que queira limitar o tamanho da planta (eu não preciso) Eu amarro elas para baixo se for preciso, mas na minha opinião, quanto maior a planta, melhor o rendimento.

    Paz!



    ///////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////

    Original

    How to grow in coco.

    This is a basic primer and it should be successful for anyone wanting to try coco as a grow medium.

    I hear people asking the same questions over and over again about growing in coco and I thought I’d give a shot at trying to put down a fail safe regimen for them to start with. I’ll let you know from the start that I’m a “less is better” sort of guy so these will be the basics of growing in coco and for the most part, it’s exactly how I grow. What I do is no secret and I’m no better at it than the newbie will be if they follow it.

    Above all else, pay attention to the plants. Download the sick plant guide and study it. There’s a lot you won’t have to worry about in coco but study it just the same. If you do the following, you shouldn’t wreck any plants, hehe.

    Water:
    I use water that drains from my dehumidifier as my reverse osmosis water source but I will refer to it as RO for the sake of simplicity.

    I mix my ro water 50/50 with tap water. Using some tap water gives my plants the trace minerals they need. Using the above mix, the use of Cal-Mag+ shouldn’t be necessary.

    Always pH the water after you’ve added the nutrients as they tend to lower or raise the pH themselves. Don’t forget to agitate the water to disperse the nutes before you check the ec/ppm.

    Nutrients:
    Be sure the nutrients you start out with are meant to be used in coco. Coco is special, hehe. Remember – coco specific nutrients

    Discount the ec of the plain water when adding nutrients. By that I mean, if someone tells you to feed at a certain ppm or ec, they are talking about that ec or ppm as the ec or ppm of nutrients only and without taking the ec of the trace minerals in the tap water into account.

    I use Canna A&B, Rhizotonic and Cannazyme (once in a while)
    PK 13/14 is used two weeks into flower and again a couple of weeks before harvest. You don’t have to do this but I do.

    Canna A&B is the backbone of the grow. You begin giving it at small levels after you see the first true leaves on the seedlings and you keep giving it right up until you start the flush to prepare for harvest.

    I first give the A/B at about 0.5mL/qt right after I see these leaves and continue to give it at levels up to 6mL/gal for the rest of the grow. Up until this point, the plants just get plain water pHd to 5.8. Even at this point, they need very little in the way of nutes and too much will kill them.

    Don't use epsom salts with coco. As a matter of fact if something says it has salt in it, and I don't care what order the letters are in, lol, don't put it into your plant's pot. And I'm not trying to start a debate on what's left over from nutrient solutions. SALT! We water to runoff to get rid of that.

    Medium:
    I’ve used both Canna coco coir and B’Cuzz coco. I use both right out of the bag as with these two brands, rinsing is not necessary. I don’t have any experience with other brands but I know these two to be safe to use without rinsing.

    I use 100% coco. No additional components are needed and actually I think anything else added to coco just complicates the medium unnecessarily.


    Lighting:
    I use an 8 strip T5 fluorescent along with a 250w cfl for moms/clones/seedlings. I then put them under MH for veg if I decide I want to veg the plants beyond what I do with the fluorescents.

    My veg cycle is 20/4 and I use this because of a report I once saw where different light cycles were used for veg and the results were recorded. I’m happy with the results and recommend the schedule to anyone else who’s not sold on what they’re doing. I’ve gotten great yields using this and I’m not changing. The plants seem sturdier and the yield using 20/4 seems to be above average with what I’ve seen around the forums.

    I flower under HPS. I’ve got 2 400w and 1 600w available and I use them all during flowering. You can see them in some of my pictures and I don’t have them vented right now. I grew in a closet at one point and needed the glass and flow of air through the lights to keep the temps down. Now that I’m out in the middle of the room, venting is not necessary and the lights are open to the room. I just keep the lights a proper distance from the plants to avoid light burn.


    Environment:
    I use a window ac unit to cool the room. I also use a dehumidifier to keep RH where I need it to be. As I said, I use the runoff from this dehumidifier to water with. I use a fan to blow up into the forest, lol, and circulate the air. I’ve got a huge carbon filter in the closet I use for the moms/clones/seedlings with a 475cfm fan pulling air. It pulls air from the main room, scrubs it and puts it back into the same room. The door to this main room is sealed from the rest of the house and the smell from the grow room is minimal, even while inside the grow room itself. The door to the closet is also sealed from the main room and I use darkroom vents to keep the thing light proof. This way the two rooms can operate independently from each other.

    I keep the ac set at 72F and the temps at the tops of the plants stays about 78F-80F. Exhaust from the carbon filter coming out of the closet, along with the breeze from the ac and the air from the fan, keeps everything moving in the room.

    Watering:
    I hand watered up until my current grow and I still consider this to be the premo way to go. When you hand water, you spend time with the plants and you learn them inside and out. Sort of like washing your car. That’s when you find all the dents and dings, hehe. I recommend all new growers hand water. It really gives you a feel for the grow that you won’t get any other way. And feel means a lot. As a pilot for the last 40 years I learned early on that on a flight that lasted any longer than a couple of hours, I needed to fly the last half hour manually and off autopilot to regain a feel for the plane. First time I waited to disengag the autopilot until I was on final after a 6 hour flight, it got pretty exciting and I think I touched down three or four times on just that one landing, lmfao.

    At any rate, back to the subject of weed, lol. Once you get growing down, then go to a system of watering that will make it a little easier. Like a drip system. I use a recirculation drip system and just maintain the res where it needs to be and it waters for me twice a day.

    Never let the coco dry out!!! Always water till you get at least a 15% runoff!!! In my book, these two things are imperatives. You can’t over water in coco. I don’t care what you read elsewhere, it just can’t be done. You may be able to water more than is necessary, but you’re not going to kill the plants by over watering like would happen in soil. The coco is like a sponge in that it will only hold so much water and then it releases the excess and lets it drain. Using gravity as a passive means of transit, the new water pulls the old out as it drains, pulling along with it the old used up remnants of the nutrients you fed them last time you watered. As the water pulls the stale nutrients out of the bottom of the pot, it pulls in fresh oxygen and nutrients from the top. This way, every time you water, you’re exchanging the water in the pot. Fresh is good!!!

    This is by no means an exhaustive study of growing in coco but it’s enough of a start that someone should be able to grow without the final result looking like Hiroshima the morning after.

    If you disagree with any of the above, that’s your right. Don’t tell me though that the above doesn’t work because it does. It’s worked well for me and it will for others. At the very least it will give a person a place to start. If they want to complicate things by adding a bunch of stuff like eagle beaks, snake eyes, bat balls (and bat shit), and pancake syrup later on just cause they’re bored and need to work on some problems for a while, they’re free to do that. I’ve not found a reason to add anything so I haven’t. I can’t for the life of me understand why oxygen, water, NPK, mild temps, and adequate lighting aren’t enough. They have been for me. But I’m just a simple old grower with simple needs. I don’t need the excitement complicated grows will add to my life. I’m in my heart attack years, lol, and simple’s good for me.

    I’ll add to this as I see a need and if I didn’t make something clear enough, but to recap things a little.

    1. Water ever day at least once till you get at least a 15% runoff.
    2. pH the feed water to 5.8.
    3. Use 100% coco till you get the hang of things and can handle a problem or two.
    4. Use nutrients that were made to be used in coco. Specifically coco! Canna, Hesi, etc.
    5. Start feeding with plain tap water at the seedling stage and very slowly work your way up to what the plants will tolerate.
    6. Keep temps around 76F-82F.
    7. Keep humidity in check during flower to control mold.
    8. Provide adequate lighting to keep plants from stretching too much and to maximize yield.
    9. Flush the pots if you suspect a problem.

    Don’t make rapid adjustments to either pH or ppm. Slow is good but then unless a crop duster has just sprayed your plants with agent orange, you’re gonna have time to fix things. It’s kina like sailing across the Atlantic in a sail boat. Nothing happens fast. You wake up, find out you need to change course and then decide if you want to do it today or tomorrow, hehehe. The jet flying over you needs to make corrections in a more timely manner due to speed. We’re in a sailboat here folks. Don’t give yourself hemorrhoids trying to do things quicker than is needed.

    Follow the above and you should be enjoying the fruits of your labor in no time at all. If you screw something up, flush it away.

    OK, I’m done. No piling on! I don’t have the energy to fight nor do I want to. Nothing I have said here is meant as a condemnation of other methods or even of different ways of growing using this method. I realize others who are successful, have their ways of doing things and I applaud diversity, lol. I have in no way tried to minimize any other way of growing and please don’t tell me about why you use syrup, guano, and lizard urine (just kidding). To me, they’re not worth the expense, the risk, the trouble, or the time it takes to figure it out.

    Good water, good nutrients, good lighting, good temps and good air! That should cover it unless you want to get into keeping the dogs from eating the plants, lol.

    Peace

    Edited:

    During the seedling stage and while they are still in the solo cups, the roots really need to develop. You get them to do this by letting the coco in the solo cups almost dry out. I mean to the point that when you lift the cup, it feels really light. This makes the roots go to the bottom of the cup to look for water and in doing so, the root system really develops. Normally, a couple of days after you see root tips poking out of the bottom holes in the cups, it's ok to transplant them into a larger pot.

    I go directly from solo cups to my 3 gallon pots. I don't see any reason to go from bucket to bucket unless I'm trying to keep the plant's size down and I'm not. I bend em and tie em down if I have to but the bigger the plant, the better the yield in my opinion.

    Peace

  2. Los siguientes 3 Usuarios dan las gracias a Verdim por este Post:

    Chuin (22/04/2012), Do.um.Dois (29/09/2012), KIUTIANO (02/04/2013)

  3. #2
    Fecha de Ingreso
    31 jul, 06
    Ubicación
    he me perdido
    Mensajes
    486
    Gracias
    0
    26 gracias recibidas en 13 Posts
    Mencionado
    0 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    0 Mensaje(s)

    Re: Guia Para Iniciantes Em Coco

    Lembrando que vai muito bem o cultivo com água filtrada a 1g por litro de peters 10-30-20 em todas as regas e flush quinzenal.

    pra quem não tem $$ pra ir de hesi ou canna, peters segura bem um cultivo no coco.

    Experiência própria!
    Não conhece o Growroom?

    Demorou! >>> GROWROOM

    se cadastre e bons estudos!

  4. El siguiente Usuario da las gracias a Dio Logan por este Post:

    JapaFungi (18/07/2014)

  5. #3
    Fecha de Ingreso
    17 jun, 08
    Mensajes
    349
    Gracias
    0
    3 gracias recibidas en 3 Posts
    Mencionado
    0 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    0 Mensaje(s)

    Re: Guia Para Iniciantes Em Coco

    Cita Iniciado por verdim Ver Mensaje
    galera o meu amigo QueijoMinas traduziu la do icmag, postou no gr e me autorizou a postar aqui tambem
    aiiiii verdim valeu pelo guia

    muito bom,to afim de começar no coco etenho lido algumas coisas a respeito...mais vejo que eh necessario um investimento e cuidado mto maior para se obter resultados,e pelo q li os resultados saum melhores que em substrato comum.

    Uso o mis do ganjaman e me adapetei mto bem,agora coloco ateh nos bonsais hehehehe

    []´sss

  6. #4
    Fecha de Ingreso
    02 oct, 07
    Mensajes
    280
    Gracias
    0
    3 gracias recibidas en 3 Posts
    Mencionado
    0 Mensaje(s)
    Etiquetado
    1 Tema(s)
    Citado
    0 Mensaje(s)

    Re: Guia Para Iniciantes Em Coco

    Ae Verdim belo post brother ,

    Depois de ver algumas experiências de cultivo em coco no GR fiquei bem interessado tambem viu Big, mas enquanto não sobrar grama pra comprar um combo meter ai de ph e ec nem vou me arriscar hehehe, enquanto isso só sugando as informações ai pra quem sabe um futuro cultivo.

    Ae Dio se puder dar uma esplanada ai no assunto, tipo o que vc usou como fonte de cálcio, e outros micronutrientes, pelo que andei vendo não da pra levar só com peters e salamargo ou dá ? hehehe

    Abração .... Vlwww
    NÃO COMPRE, PLANTE!!!

  7. #5
    Fecha de Ingreso
    31 jul, 08
    Mensajes
    37
    Gracias
    0
    5 gracias recibidas en 4 Posts
    Mencionado
    0 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    0 Mensaje(s)

    Re: Guia Para Iniciantes Em Coco

    valeu Verdim! (o Queijo eu ja agradeci la no GR )

    vou fazer aqui a mesma pergunta q fiz la:

    gostaria de confirmar com vcs o EC medio ideal das soluçoes de rega nas diversas fases do cultivo usando 100% coco como midia

    seedling / muda: 500 uS / 250 ppm
    vegetativo: 1000 uS / 500 ppm
    inicio da flora: 1500 uS / 750 ppm
    flora plena: 2000 uS / 1000 ppm *

    * eu aqui medi hj e minha soluçao organica (vide assinatura) ta com 4000 uS !!! e sem sinais de over...
    flora 100% coco organico

    nao compre, nao venda, plante e colha para seu auto-sustento!

    Cultive antes de tudo o bem e o respeito

  8. El siguiente Usuario da las gracias a Asimov por este Post:

    felliix2009 (10/07/2011)

  9. #6
    Fecha de Ingreso
    18 mar, 08
    Mensajes
    1,267
    Gracias
    785
    1,163 gracias recibidas en 418 Posts
    Mencionado
    54 Mensaje(s)
    Etiquetado
    42 Tema(s)
    Citado
    82 Mensaje(s)

    Re: Guia Para Iniciantes Em Coco

    Carecon diz , e ae VERDIM , meu brother não entendi a parte onde vc fala sobre agua RO ea da torneira ; vc mistura agua de osmose reversa + agua da torneira e fica isento de cal-mg , como assim ?
    # Até o 1ºmes de flora vai tudo bem ,depois começa a dar pau o negocio , poderia ser pelo uso de salamargo ? Poderia ser pelo PH em 6.25 que era o que eu já estava usando até agora ? Ou tb pelo que eu acho a causa maior o calor ea humidade meio fora de controle ; a humidade eu consigo brigar um pouco com ela , mas o calor não tenho como ; além da minha casa ser massacrada o dia inteiro pelo sol , não tenho como por um ar condicionado no banheiro ; No meio da tarde a temperatura chega aos 37ºc ea humidade aos 30% , parece até o deserto essa porra .
    Apartir de hj levarei com PH 5.8 .Ah! vc disse para manter a solução até 2000ms , eu estava usando em torno de 1.7 no maximo e as pontas já apresentam queimação , será que o PH 6.25 ajudou ?
    Vc disse para fertirrigar todo dia ; então qual seria um nivel ideal para aplicar todo dia , eu uso vasos grandes , no meu topico tem a foto deles , só naõ sei quantos litros tem ?
    Já que eu não tenho osmose reversa em casa como faço para substituir o salamargo , fazendo o uso do cal dol. resolve ?
    Meu , desculpa tantas perguntas .
    Um abraço ! to na area valeuuuuuuuuuuuuu!


  10. #7
    Fecha de Ingreso
    18 mar, 08
    Mensajes
    1,267
    Gracias
    785
    1,163 gracias recibidas en 418 Posts
    Mencionado
    54 Mensaje(s)
    Etiquetado
    42 Tema(s)
    Citado
    82 Mensaje(s)

    Re: Guia Para Iniciantes Em Coco

    Cita Iniciado por carecon Ver Mensaje
    Carecon diz , e ae VERDIM , meu brother não entendi a parte onde vc fala sobre agua RO ea da torneira ; vc mistura agua de osmose reversa + agua da torneira e fica isento de cal-mg , como assim ?
    # Até o 1ºmes de flora vai tudo bem ,depois começa a dar pau o negocio , poderia ser pelo uso de salamargo ? Poderia ser pelo PH em 6.25 que era o que eu já estava usando até agora ? Ou tb pelo que eu acho a causa maior o calor ea humidade meio fora de controle ; a humidade eu consigo brigar um pouco com ela , mas o calor não tenho como ; além da minha casa ser massacrada o dia inteiro pelo sol , não tenho como por um ar condicionado no banheiro ; No meio da tarde a temperatura chega aos 37ºc ea humidade aos 30% , parece até o deserto essa porra .
    Apartir de hj levarei com PH 5.8 .Ah! vc disse para manter a solução até 2000ms , eu estava usando em torno de 1.7 no maximo e as pontas já apresentam queimação , será que o PH 6.25 ajudou ?
    Vc disse para fertirrigar todo dia ; então qual seria um nivel ideal para aplicar todo dia , eu uso vasos grandes , no meu topico tem a foto deles , só naõ sei quantos litros tem ?
    Já que eu não tenho osmose reversa em casa como faço para substituir o salamargo , fazendo o uso do cal dol. resolve ?
    Meu , desculpa tantas perguntas .
    Um abraço ! to na area valeuuuuuuuuuuuuu!


    Carecon diz cade tu verdim?

  11. #8
    Fecha de Ingreso
    28 feb, 14
    Mensajes
    9
    Gracias
    8
    28 gracias recibidas en 8 Posts
    Mencionado
    1 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    1 Mensaje(s)

    Re: Guia Para Iniciantes Em Coco

    Esse "coco" aí é aquele pó de casca de coco?

  12. El siguiente Usuario da las gracias a magostic por este Post:

    Beckenbauer (06/03/2014)

  13. #9
    Fecha de Ingreso
    01 jul, 10
    Ubicación
    Brasil
    Mensajes
    1,919
    Gracias
    7,815
    8,885 gracias recibidas en 1,857 Posts
    Mencionado
    192 Mensaje(s)
    Etiquetado
    54 Tema(s)
    Citado
    354 Mensaje(s)

    Re: Guia Para Iniciantes Em Coco

    Cita Iniciado por magostic Ver Mensaje
    Esse "coco" aí é aquele pó de casca de coco?
    É o Pó de Coco, mas geral costuma colocar a Fibra de Coco (Lavada/Escaldada) picadinha para arejar mais o solo...

  14. Los siguientes 2 Usuarios dan las gracias a Beckenbauer por este Post:

    magostic (06/03/2014), Trich Lover (11/03/2014)

+ Responder Tema

Usuarios Etiquetados

Permisos de Publicación

  • No puedes crear nuevos temas
  • No puedes responder temas
  • No puedes subir archivos adjuntos
  • No puedes editar tus mensajes