+ Responder Tema
Página 1 de 2 12 ÚltimoÚltimo
Resultados 1 al 15 de 28

Tema: Azeite Canábico para uso culinário

  1. #1
    Fecha de Ingreso
    04 Sep, 06
    Ubicación
    Andalucía
    Mensajes
    9,717
    Gracias
    56,436
    32,204 gracias recibidas en 6,573 Posts
    Mencionado
    139 Mensaje(s)
    Etiquetado
    98 Tema(s)
    Citado
    270 Mensaje(s)

    Azeite Canábico para uso culinário

    Boas!

    Para além da famosa manteiga canábica, de que já várias vezes falei no fórum, há também a possibilidade de se fazer um belo azeite canábico. Sendo o THC, como se sabe, lipossolúvel, o azeite é uma gordura natural bastante indicada para o efeito. Para utilizadores medicinais esta é das melhores formas de consumir.



    Processo:


    1 - Os ingredientes são apenas dois: flores de canábis e azeite virgem extra (se for de origem biológica melhor, já que a canábis que usamos também o é...);

    2 - Usamos 5gr de flores (cabeços) para 1 litro de azeite (se quisermos fazer menos é fazer as contas proporcionalmente);

    3 - Dentro de uma garraja de vidro (pode ser a garrafa original onde vinha o azeite), enfiamos o(s) cabeço(s) e deixamos ficar a macerar durante 2 meses. A maceração, para quem não está dentro do assunto, é uma operação que consiste em ter uma substância imersa num líquido à temperatura normal, para que este se impregne dos seus princípios solúveis. Ou seja, basta deixar estar a erva dentro da garrafa de azeite durante 2 meses;

    4 - Passados 2 meses faz-se o azeite passar por um coador ou filtro de forma a que se separe o(s) cabeço(s) do azeite;

    5 - Em seguida, deixa-se a garrafa de azeite durante 1 mês no escuro;

    6 - Está pronto e pode ser utilizado em torradas, saladas ou em qualquer outra preparação culinária que possa levar azeite. Também se pode "beber" uma colher, ou molhar o pão no azeite...

    7 - Sendo a erva boa e o processo feito como deve de ser, o azeite terá o aroma à erva utilizada e esse aroma permanecerá na boca aquando do consumo, sem que chegue a sobrepor-se ao aroma do azeite, claro;

    8 - Deve dar-se especial atenção à dose que se consome. Devemos sempre admitir que à primeira prova não sabemos que quantidade representa uma dose, pelo que devemos começar com doses baixas (tipo uma colher de sopa) e só depois de passada hora ou hora e meia é que devemos consumir uma 2ª colher caso não tenhamos obtido o efeito desejado apenas com a 1ª. Se fizermos assim logo da primeira vez, nas tomas seguintes já saberemos qual a dose ideal e poderemos disfrutar dos seus efeitos sem receios de que possa bater pouco ou demasiado;

    9 - O efeito é terapêutico e bom para quem utiliza a canábis com o objectivo de atenuar dores físicas.


    10 - Bons azeites!

    -t_
    Última edición por Tommy_Joao; 23/09/2009 a las 17:38 PM

  2. Los siguientes 19 Usuarios dan las gracias a Tommy_Joao por este Post:

    afrito78 (22/05/2012), Biolegs (16/09/2017), Del_rio (01/10/2012), DRKpjc (19/01/2012), Icone (23/11/2011), JorgeDaHorta (08/01/2012), lopo (15/10/2009), Marijuana1 (31/01/2013), mix119 (02/08/2014), motarpt (15/10/2009), MrGrowWeed (18/01/2014), newbie2 (23/09/2009), r3mixas (15/03/2010), Red_bulls (06/07/2012), ricardopunxs (21/05/2012), Ripdark (07/05/2015), TheStonerGuy (22/11/2014), weeden (26/12/2011), xinobi (29/01/2010)

  3. #2
    Fecha de Ingreso
    11 Mar, 07
    Ubicación
    murcia
    Mensajes
    885
    Gracias
    442
    370 gracias recibidas en 196 Posts
    Mencionado
    1 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    20 Mensaje(s)

    Respuesta: Azeite Canábico para uso culinário

    Cita Iniciado por Tommy_Joao Ver Mensaje
    Boas!

    Para além da famosa manteiga canábica, de que já várias vezes falei no fórum, há também a possibilidade de se fazer um belo azeite canábico. Sendo o THC, como se sabe, lipossolúvel, o azeite é uma gordura natural bastante indicada para o efeito. Para utilizadores medicinais esta é das melhores formas de consumir.



    Processo:


    1 - Os ingredientes serão, como já se percebeu, flores de canábis e azeite virgem extra (se for de origem biológica melhor, já que a canábis que usamos também o é...);

    2 - Usamos 5gr de flores (cabeços) para 1 litro de azeite (se quisermos fazer menos é fazer as contas proporcionalmente);

    3 - Dentro de uma garraja de vidro (pode ser a garrafa original onde vinha o azeite), enfiamos o(s) cabeço(s) e deixamos ficar a macerar durante 2 meses. A maceração, para quem não sabe, é uma operação que consiste em ter uma substância num líquido à temperatura normal, para que este se impregne dos seus princípios solúveis. Ou seja, basta deixar estar a erva dentro da garrafa de azeite durante 2 meses;

    4 - Passados 2 meses faz-se o azeite passar por um coador ou filtro de forma a que se separe o(s) cabeço(s) do azeite;

    5 - Depois deixa-se o azeite durante 1 mês no escuro;

    6 - Está pronto e pode ser utilizado em torradas, saladas ou em qualquer outra preparação culinária que possa levar azeite. Também se pode "beber" uma colher.

    7 - Sendo a erva boa e o processo feito como deve de ser, o azeite terá o aroma à erva utilizada e esse aroma permanecerá na boca aquando do consumo;

    8 - Deve dar-se especial atenção à dose que se consome. Devemos sempre admitir que à primeira prova não sabemos que quantidade representa uma dose, pelo que devemos começar com doses baixas (tipo uma colher de sopa) e só depois de passada hora ou hora e meia é que devemos consumir uma 2ª colher caso não tenhamos obtido o efeito desejado apenas com a 1ª;

    9 - O efeito é terapêutico e bom para quem utiliza a canábis com o objectivo de atenuar dores físicas.


    10 - Bons azeites!

    -t_

    muito bom topico.....é demais fazer azeite e fritar uns bifinhos com azeitinho de cannabis alho e louro ..espetaculo...

    boaws

  4. #3
    Fecha de Ingreso
    04 Sep, 06
    Ubicación
    Andalucía
    Mensajes
    9,717
    Gracias
    56,436
    32,204 gracias recibidas en 6,573 Posts
    Mencionado
    139 Mensaje(s)
    Etiquetado
    98 Tema(s)
    Citado
    270 Mensaje(s)

    Respuesta: Azeite Canábico para uso culinário

    Pois é.

    Mas prefiro regar numas torradas, aproveita-se mais o THC. Com a fritura não só se perde algum azeite como o THC se transforma em CBD por acção do calor. Mas não é que não goste de mocas de CBD, que deixam uma pessoa a bocejar de sono mas ao mesmo tempo relaxada e com apetite. Sou mais de fazer umas bolachas ou barrar a manteiga/azeite em torradas.

    Se se usar o azeite como top "galheteiro", em que o usamos à mesa para complementar pratos ou saladas, em vez de o usarmos na própria confecção, aproveita-se mais e o efeito é mais psicoactivo. É preciso é cuidado com as doses... como eu disse, usar uma colher de sopa para experimentar primeiro a ver se será essa a dose ou se é preciso um pouco mais. Depois ter em consideração essa dose no momento de adicionar o azeite nos alimentos.

    Na próxima colheita vou tentar reservar um bom cabeço de Sweet Afgani para meter dentro duma garrafa de azeite...

    Bons fumos!

    -t_

  5. #4
    Fecha de Ingreso
    09 Jul, 09
    Ubicación
    Patchamama
    Mensajes
    602
    Gracias
    300
    405 gracias recibidas en 191 Posts
    Mencionado
    0 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    3 Mensaje(s)

    Respuesta: Azeite Canábico para uso culinário

    Boas,

    Tenho uma dúvida que é um bocado relativa,mas faço-a na mesma
    O azeite bate muito Ou bate Ou sentes só uma ligeireza(do genero,só tomares o saborzinho na boca) ?

    cumps,

  6. #5
    Fecha de Ingreso
    04 Sep, 06
    Ubicación
    Andalucía
    Mensajes
    9,717
    Gracias
    56,436
    32,204 gracias recibidas en 6,573 Posts
    Mencionado
    139 Mensaje(s)
    Etiquetado
    98 Tema(s)
    Citado
    270 Mensaje(s)

    Respuesta: Azeite Canábico para uso culinário

    Boas!

    Pode acontecer qualquer uma das 3 situações que colocas como hipótese.

    É preciso ter atenção à dificuldade em controlar as doses quando se ingere canábis.

    Por exemplo, eu quando faço manteiga para depois usar na confecção de bolachas, ao princípio, nunca sei a potência com que a manteiga fica. Ora, faço normalmente logo um kilo de manteiga, que divido em 5 partes de 200g. Depois uso uma das partes de cada vez. Cada parte de 200g dá mais ou menos para 100 bolachas (do género da chipmix). Só que, da primeira vez eu não faço a mínima ideia se uma dose corresponde a 1 bolacha, a 2 bolachas, a 5 bolachas, ou até só a meia bolacha... etc, etc...

    Portanto, da primeira vez como só meia bolacha e espero uns 45 minutos. Depois, se estiver tudo normal como a outra metade e espero mais 1 hora. Passado 1h45m já comi 1 bolacha e já consigo saber se isso corresponde a uma dose ou não. Se ainda não está a bater mínimamente, como mais 1 bolacha. Depois, se o efeito já for o desejado é porque uma dose são 2 bolachas. Isto é um exemplo. Assim, toda a outra manteiga que ainda tenho (4 x 200g) congelada, usarei da mesma forma e já sei daí em diante que cada dose são 2 bolachas.

    Agora uma resposta mais directa à tua pergunta...

    Sim, a canábis consumida bate e pode até bater demasiado. Os efeitos são diferentes dos da canábis fumada. Em pequenas doses pode ser apenas terapêutica na medida em que apenas dá um pouco de sonolência, relaxamento, euforia contida mais ao estilo de "alegria mole", hehehe. Em doses demasiado grandes, como seria comer 4 bolachas depois de determinar que a dose são apenas 2, pode acontecer que apareça um efeito bastante incómodo e indesejável. Há quem deixe de se conseguir controlar quer física quer psicológicamente e deseje que o efeito passe, mas depois não passa rápido como quando fumado, pode demorar 6 horas ou mais. Ou seja, é perigoso se não for feito com cuidado.

    Se comeres a tua dose certa, pode ser uma experiência muito agradável.

    Atenção que a dose também varia de pessoa para pessoa e, assim, uma pessoa corpulenta que pese 90kg pode muito bem precisar do dobro que uma pessoa de 60kg para conseguirem as duas o mesmo efeito.

    Tudo o que digo neste post também é verdade no caso do azeite, já que também se podem fazer bolachas com azeite em vez de manteiga.

    Mais alguma dúvida digam.

    Bons fumos!

    -t_

  7. Los siguientes 3 Usuarios dan las gracias a Tommy_Joao por este Post:

    Del_rio (01/10/2012), jjocapt (28/03/2013), r3mixas (15/03/2010)

  8. #6
    Fecha de Ingreso
    09 Jul, 09
    Ubicación
    Patchamama
    Mensajes
    602
    Gracias
    300
    405 gracias recibidas en 191 Posts
    Mencionado
    0 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    3 Mensaje(s)

  9. #7
    Fecha de Ingreso
    03 Feb, 05
    Ubicación
    Brasil
    Mensajes
    2,033
    Gracias
    1,143
    3,633 gracias recibidas en 865 Posts
    Mencionado
    125 Mensaje(s)
    Etiquetado
    81 Tema(s)
    Citado
    68 Mensaje(s)

    Respuesta: Azeite Canábico para uso culinário

    instruções DEFINITIVAS sobre o assunto
    licença para copiar


    Cita Iniciado por Tommy_Joao Ver Mensaje
    Boas!

    Para além da famosa manteiga canábica, de que já várias vezes falei no fórum, há também a possibilidade de se fazer um belo azeite canábico. Sendo o THC, como se sabe, lipossolúvel, o azeite é uma gordura natural bastante indicada para o efeito. Para utilizadores medicinais esta é das melhores formas de consumir.



    Processo:


    1 - Os ingredientes são apenas dois: flores de canábis e azeite virgem extra (se for de origem biológica melhor, já que a canábis que usamos também o é...);

    2 - Usamos 5gr de flores (cabeços) para 1 litro de azeite (se quisermos fazer menos é fazer as contas proporcionalmente);

    3 - Dentro de uma garraja de vidro (pode ser a garrafa original onde vinha o azeite), enfiamos o(s) cabeço(s) e deixamos ficar a macerar durante 2 meses. A maceração, para quem não está dentro do assunto, é uma operação que consiste em ter uma substância imersa num líquido à temperatura normal, para que este se impregne dos seus princípios solúveis. Ou seja, basta deixar estar a erva dentro da garrafa de azeite durante 2 meses;

    4 - Passados 2 meses faz-se o azeite passar por um coador ou filtro de forma a que se separe o(s) cabeço(s) do azeite;

    5 - Em seguida, deixa-se a garrafa de azeite durante 1 mês no escuro;

    6 - Está pronto e pode ser utilizado em torradas, saladas ou em qualquer outra preparação culinária que possa levar azeite. Também se pode "beber" uma colher, ou molhar o pão no azeite...

    7 - Sendo a erva boa e o processo feito como deve de ser, o azeite terá o aroma à erva utilizada e esse aroma permanecerá na boca aquando do consumo, sem que chegue a sobrepor-se ao aroma do azeite, claro;

    8 - Deve dar-se especial atenção à dose que se consome. Devemos sempre admitir que à primeira prova não sabemos que quantidade representa uma dose, pelo que devemos começar com doses baixas (tipo uma colher de sopa) e só depois de passada hora ou hora e meia é que devemos consumir uma 2ª colher caso não tenhamos obtido o efeito desejado apenas com a 1ª. Se fizermos assim logo da primeira vez, nas tomas seguintes já saberemos qual a dose ideal e poderemos disfrutar dos seus efeitos sem receios de que possa bater pouco ou demasiado;

    9 - O efeito é terapêutico e bom para quem utiliza a canábis com o objectivo de atenuar dores físicas.


    10 - Bons azeites!

    -t_
    Cita Iniciado por Tommy_Joao Ver Mensaje
    Pois é.

    Mas prefiro regar numas torradas, aproveita-se mais o THC. Com a fritura não só se perde algum azeite como o THC se transforma em CBD por acção do calor. Mas não é que não goste de mocas de CBD, que deixam uma pessoa a bocejar de sono mas ao mesmo tempo relaxada e com apetite. Sou mais de fazer umas bolachas ou barrar a manteiga/azeite em torradas.

    Se se usar o azeite como top "galheteiro", em que o usamos à mesa para complementar pratos ou saladas, em vez de o usarmos na própria confecção, aproveita-se mais e o efeito é mais psicoactivo. É preciso é cuidado com as doses... como eu disse, usar uma colher de sopa para experimentar primeiro a ver se será essa a dose ou se é preciso um pouco mais. Depois ter em consideração essa dose no momento de adicionar o azeite nos alimentos.

    Na próxima colheita vou tentar reservar um bom cabeço de Sweet Afgani para meter dentro duma garrafa de azeite...

    Bons fumos!

    -t_
    Cita Iniciado por Tommy_Joao Ver Mensaje
    Boas!

    Pode acontecer qualquer uma das 3 situações que colocas como hipótese.

    É preciso ter atenção à dificuldade em controlar as doses quando se ingere canábis.

    Por exemplo, eu quando faço manteiga para depois usar na confecção de bolachas, ao princípio, nunca sei a potência com que a manteiga fica. Ora, faço normalmente logo um kilo de manteiga, que divido em 5 partes de 200g. Depois uso uma das partes de cada vez. Cada parte de 200g dá mais ou menos para 100 bolachas (do género da chipmix). Só que, da primeira vez eu não faço a mínima ideia se uma dose corresponde a 1 bolacha, a 2 bolachas, a 5 bolachas, ou até só a meia bolacha... etc, etc...

    Portanto, da primeira vez como só meia bolacha e espero uns 45 minutos. Depois, se estiver tudo normal como a outra metade e espero mais 1 hora. Passado 1h45m já comi 1 bolacha e já consigo saber se isso corresponde a uma dose ou não. Se ainda não está a bater mínimamente, como mais 1 bolacha. Depois, se o efeito já for o desejado é porque uma dose são 2 bolachas. Isto é um exemplo. Assim, toda a outra manteiga que ainda tenho (4 x 200g) congelada, usarei da mesma forma e já sei daí em diante que cada dose são 2 bolachas.

    Agora uma resposta mais directa à tua pergunta...

    Sim, a canábis consumida bate e pode até bater demasiado. Os efeitos são diferentes dos da canábis fumada. Em pequenas doses pode ser apenas terapêutica na medida em que apenas dá um pouco de sonolência, relaxamento, euforia contida mais ao estilo de "alegria mole", hehehe. Em doses demasiado grandes, como seria comer 4 bolachas depois de determinar que a dose são apenas 2, pode acontecer que apareça um efeito bastante incómodo e indesejável. Há quem deixe de se conseguir controlar quer física quer psicológicamente e deseje que o efeito passe, mas depois não passa rápido como quando fumado, pode demorar 6 horas ou mais. Ou seja, é perigoso se não for feito com cuidado.

    Se comeres a tua dose certa, pode ser uma experiência muito agradável.

    Atenção que a dose também varia de pessoa para pessoa e, assim, uma pessoa corpulenta que pese 90kg pode muito bem precisar do dobro que uma pessoa de 60kg para conseguirem as duas o mesmo efeito.

    Tudo o que digo neste post também é verdade no caso do azeite, já que também se podem fazer bolachas com azeite em vez de manteiga.

    Mais alguma dúvida digam.

    Bons fumos!

    -t_
    [COLOR=#fafafa !important]

  10. El siguiente Usuario da las gracias a Verdim por este Post:

    Harvest*Time (17/08/2010)

  11. #8
    Fecha de Ingreso
    04 Sep, 06
    Ubicación
    Andalucía
    Mensajes
    9,717
    Gracias
    56,436
    32,204 gracias recibidas en 6,573 Posts
    Mencionado
    139 Mensaje(s)
    Etiquetado
    98 Tema(s)
    Citado
    270 Mensaje(s)

    Respuesta: Azeite Canábico para uso culinário

    Y ae colega verdim! Como é que é?

    Se bem percebi você quer copiar isso para algum sítio, certo?

    Claro que pode copiar, à vontade! Aliás, obrigado pelo interesse

    Bons fumos!

    -t_

  12. #9
    Fecha de Ingreso
    04 Sep, 06
    Ubicación
    Andalucía
    Mensajes
    9,717
    Gracias
    56,436
    32,204 gracias recibidas en 6,573 Posts
    Mencionado
    139 Mensaje(s)
    Etiquetado
    98 Tema(s)
    Citado
    270 Mensaje(s)

    Respuesta: Azeite Canábico para uso culinário

    Tenho outra sugestão para você.

    Porque não fala com o nosso colega 9delta e lhe pede se podemos colocar na área do Brasil este tópico: http://www.cannabiscafe.net/foros/sh...d.php?t=165247

    Como eu traduzi para Português faz todo o sentido colocar na zona brasileira, se para si faz sentido... não sei se no Brasil já há muito interesse pelo tema dos vaporizadores, mas você certamente saberá.

    Bons fumos!

    -t_

  13. #10
    Fecha de Ingreso
    24 Apr, 07
    Mensajes
    37
    Gracias
    0
    7 gracias recibidas en 5 Posts
    Mencionado
    0 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    0 Mensaje(s)

    Respuesta: Azeite Canábico para uso culinário

    Mais 1 truque, eu trituro os cabeços e as folhas do trimming ate ficaram em pó.

    Aumenta grandemente a potencia do azeite, óleo de coco biológico também fica porreiro.

    No caso do óleo de coco meto ao lume ate atingir 195 graus (atinge depois os 200) e meto para la o "pó" misturo volta ao lume quando atinge os 195 graus esta pronto, meto 1 copo de óleo para 1 copo de pó deve ficar com consistência, de seguida meto em cápsulas, uso isto quando estou para fora ou com pessoas que não me convém ver a fumar (resolve-me alguns problemas de saúde que a medicação convencional me deixa KO)

    Também faço isto com Ghee (manteiga indiana vende se no jumbo), faço um pure de batata do outro mundo :P

  14. Los siguientes 3 Usuarios dan las gracias a memyselfandi por este Post:

    Biolegs (16/09/2017), Tommy_Joao (20/10/2009), xinobi (29/01/2010)

  15. #11
    Fecha de Ingreso
    09 Jul, 09
    Ubicación
    Patchamama
    Mensajes
    602
    Gracias
    300
    405 gracias recibidas en 191 Posts
    Mencionado
    0 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    3 Mensaje(s)

    Question Respuesta: Azeite Canábico para uso culinário

    Cita Iniciado por memyselfandi Ver Mensaje
    e as folhas do trimming ate ficaram em pó.


    Se pudesses trocar isso por 'miúdos' ,agradecia-te desde já

  16. #12
    Fecha de Ingreso
    24 Apr, 07
    Mensajes
    37
    Gracias
    0
    7 gracias recibidas en 5 Posts
    Mencionado
    0 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    0 Mensaje(s)

    Respuesta: Azeite Canábico para uso culinário

    tens as folhas grandes (fan leafs) e as folhas junto do cabeço com tricomas essas folhas depois de secas dao para fazer hash ou para manteiga ou afins

  17. #13
    Fecha de Ingreso
    04 Sep, 06
    Ubicación
    Andalucía
    Mensajes
    9,717
    Gracias
    56,436
    32,204 gracias recibidas en 6,573 Posts
    Mencionado
    139 Mensaje(s)
    Etiquetado
    98 Tema(s)
    Citado
    270 Mensaje(s)

    Respuesta: Azeite Canábico para uso culinário

    Olá memyselfandi! Já há uns tempos que não te via. Já sabes que és bem-vindo.

    Obrigado pelo que acrescentaste. Essa do coco parece interessante.

    Até Jah!

    -t_

  18. #14
    Fecha de Ingreso
    30 Aug, 09
    Mensajes
    1,325
    Gracias
    1,908
    822 gracias recibidas en 476 Posts
    Mencionado
    1 Mensaje(s)
    Etiquetado
    45 Tema(s)
    Citado
    0 Mensaje(s)

    Respuesta: Azeite Canábico para uso culinário

    só para agradecer mais um bom post que ainda nao tinha visto

  19. El siguiente Usuario da las gracias a xinobi por este Post:

    Tommy_Joao (29/01/2010)

  20. #15
    Fecha de Ingreso
    16 Sep, 11
    Mensajes
    9
    Gracias
    0
    0 gracias recibidas en 0 Posts
    Mencionado
    0 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    0 Mensaje(s)

    Re: Respuesta: Azeite Canábico para uso culinário

    Cita Iniciado por memyselfandi Ver Mensaje
    tens as folhas grandes (fan leafs) e as folhas junto do cabeço com tricomas essas folhas depois de secas dao para fazer hash ou para manteiga ou afins
    e usas tambem essas folhas na dose de 5g para 1L de Azeite ?

+ Responder Tema
Página 1 de 2 12 ÚltimoÚltimo

Usuarios Etiquetados

Etiquetas para este Tema

Permisos de Publicación

  • No puedes crear nuevos temas
  • No puedes responder temas
  • No puedes subir archivos adjuntos
  • No puedes editar tus mensajes