+ Responder Tema
Página 1 de 8 12345 ... ÚltimoÚltimo
Resultados 1 al 15 de 118

Tema: Autarca / militante do PS disposto a ajudar na legalização - opinem!

  1. #1
    Fecha de Ingreso
    06 Apr, 15
    Mensajes
    734
    Gracias
    1,707
    1,862 gracias recibidas en 586 Posts
    Mencionado
    56 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    200 Mensaje(s)

    Autarca / militante do PS disposto a ajudar na legalização - opinem!

    Olá a todos.

    Através do Facebook, estabelecemos contacto com um elemento do PS que se mostrou interessado em apoiar a causa da legalização.

    Não sabemos o que pode sair daqui, talvez nada, mas de qualquer modo ele mostrou-se recetivo (foi o primeiro membro de um partido que aceitou falar comigo sobre a legalização).

    A ideia, na minha perspetiva, é dar mais visibilidade à injustiça que é o autocultivo ser ilegal e penalizado. Como já devo ter dito antes, não tenho qualquer afiliação partidária, nem quero que seja este ou aquele partido a ficar com os louros da legalização, mas creio que neste caso existe a oportunidade de avançar com algo que todos os que participamos neste fórum temos em comum, independentemente de ideologias.

    Esta pessoa enviou-nos uma série de sugestões de ativismo e também se mostrou disponível para dar o seu contributo. Estou à espera de autorização para divulgar aqui aquilo que foi discutido, uma vez que se tratava de uma conversa privada.

    Depois de ter comentado isto com o @Foxyhaze , achámos que podíamos fazer um convite em nome da moderação para que ele conheça o fórum e a filosofia do mesmo, mas não sem antes consultar o resto dos membros.

    Portanto, para já é só isto. Ficamos à espera de ouvir o que vocês têm a dizer e assim que tiver autorização, divulgo aqui mais informação.




    LINKS ATUALIZADOS:


    GRUPO DE TRABALHO : http://www.cannabiscafe.net/foros/sh...49#post4321049


    Última edición por Foxyhaze; 30/11/2016 a las 15:07 PM

  2. Los siguientes 14 Usuarios dan las gracias a pedro_carnei por este Post:

    1000k (23/11/2016), ahpoixeh (22/11/2016), Campino (23/11/2016), Foxyhaze (22/11/2016), fyno (24/01/2017), greenThor (23/11/2016), growbloom (23/11/2016), Minerarte (27/11/2016), Moxu666 (02/12/2016), nico_sacco (24/11/2016), Pedro.r (24/11/2016), raditz (20/12/2016), Tommy_Joao (23/11/2016), Zurk (23/11/2016)

  3. #2
    Fecha de Ingreso
    19 Jul, 10
    Ubicación
    Canabilândia
    Mensajes
    6,321
    Gracias
    7,699
    11,991 gracias recibidas en 4,203 Posts
    Mencionado
    389 Mensaje(s)
    Etiquetado
    38 Tema(s)
    Citado
    1064 Mensaje(s)

    Re: Autarca / militante do PS disposto a ajudar na legalização - opinem!

    Apenas tenho a acrescentar que se aproxima o momento em que o nosso futuro, enquanto cultivadores para consumo, será definido.

    A não participação neste momento decisivo poderá relevar-se desastrosa , a escolha será de cada um, mas o tempo de sair da casca chegou e depender do que outros decidam apenas porque é mais cómodo esperar sentado, poderá colocar o cultivo pessoal em segundo plano e acabarmos por ser os maiores prejudicados.

    A nossa voz é a de cada um e ,como disse antes, a escolha também.

    @Tommy_Joao espreita aqui as novidades
    Última edición por Foxyhaze; 22/11/2016 a las 23:48 PM

  4. Los siguientes 11 Usuarios dan las gracias a Foxyhaze por este Post:

    Campino (23/11/2016), fyno (24/01/2017), greenThor (23/11/2016), growbloom (23/11/2016), Minerarte (27/11/2016), Moxu666 (02/12/2016), nico_sacco (24/11/2016), Pedro.r (24/11/2016), pedro_carnei (23/11/2016), Tommy_Joao (23/11/2016), Zurk (23/11/2016)

  5. #3
    Fecha de Ingreso
    30 Mar, 10
    Ubicación
    meio do mato
    Mensajes
    249
    Gracias
    533
    426 gracias recibidas en 162 Posts
    Mencionado
    10 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    11 Mensaje(s)

    Re: Autarca / militante do PS disposto a ajudar na legalização - opinem!

    Epa, isso eh mesmo muito bom!

    Obrigado pela iniciativa, contem comigo para o que ai vem.

    Nao sei se alguem viu mas ontem Antonio Guterres esteve em Lisboa e no seu discurso mencionou que a necessidade nao eh a perseguicao de traficantes de droga (verificando os resultados atingidos com alteracao das politicas verificadas em varios paises) mas sim a de trafico de pessoas. Claro que depois isto nao passou sequer nos jornais, mas ele disse-o.

    Nao tenho a certeza, mas tinha ideia que nas Nacoes Unidas a abordagem as drogas nao era muito simpatica. De qualquer forma, eh mais um sinal positivo, ate porque foi com este senhor que as drogas foram descriminalizadas ca no burgo.

    Desculpem o off topic mas achei que nao valia a pena abrir um topico novo so para dizer isto.

    Abraconnix!

  6. Los siguientes 9 Usuarios dan las gracias a greenThor por este Post:

    Foxyhaze (23/11/2016), growbloom (23/11/2016), Minerarte (27/11/2016), Mister (24/11/2016), Moxu666 (02/12/2016), pedro_carnei (24/11/2016), raditz (20/12/2016), Tommy_Joao (24/11/2016), Zurk (23/11/2016)

  7. #4
    Fecha de Ingreso
    11 Apr, 16
    Mensajes
    204
    Gracias
    605
    282 gracias recibidas en 138 Posts
    Mencionado
    14 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    33 Mensaje(s)

    Re: Autarca / militante do PS disposto a ajudar na legalização - opinem!

    Muito bem Pedro

    E luta continua

  8. Los siguientes 7 Usuarios dan las gracias a Zurk por este Post:

    Foxyhaze (23/11/2016), fyno (24/01/2017), greenThor (24/11/2016), growbloom (23/11/2016), Pedro.r (24/11/2016), pedro_carnei (24/11/2016), Tommy_Joao (24/11/2016)

  9. #5
    Fecha de Ingreso
    01 Feb, 16
    Mensajes
    30
    Gracias
    38
    126 gracias recibidas en 29 Posts
    Mencionado
    9 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    8 Mensaje(s)

    Re: Autarca / militante do PS disposto a ajudar na legalização - opinem!

    Cita Iniciado por pedro_carnei Ver Mensaje
    Olá a todos.

    Através do Facebook, estabelecemos contacto com um elemento do PS que se mostrou interessado em apoiar a causa da legalização.

    Não sabemos o que pode sair daqui, talvez nada, mas de qualquer modo ele mostrou-se recetivo (foi o primeiro membro de um partido que aceitou falar comigo sobre a legalização).

    A ideia, na minha perspetiva, é dar mais visibilidade à injustiça que é o autocultivo ser ilegal e penalizado. Como já devo ter dito antes, não tenho qualquer afiliação partidária, nem quero que seja este ou aquele partido a ficar com os louros da legalização, mas creio que neste caso existe a oportunidade de avançar com algo que todos os que participamos neste fórum temos em comum, independentemente de ideologias.

    Esta pessoa enviou-nos uma série de sugestões de ativismo e também se mostrou disponível para dar o seu contributo. Estou à espera de autorização para divulgar aqui aquilo que foi discutido, uma vez que se tratava de uma conversa privada.

    Depois de ter comentado isto com o @Foxyhaze , achámos que podíamos fazer um convite em nome da moderação para que ele conheça o fórum e a filosofia do mesmo, mas não sem antes consultar o resto dos membros.

    Portanto, para já é só isto. Ficamos à espera de ouvir o que vocês têm a dizer e assim que tiver autorização, divulgo aqui mais informação.
    boas,
    estou disponível para falar acerca disto pessoalmente.
    talvez nao fosse má ideia tentar combinar um encontro para tentar assentar algumas ideias.

  10. Los siguientes 5 Usuarios dan las gracias a nico_sacco por este Post:

    Foxyhaze (24/11/2016), greenThor (24/11/2016), growbloom (24/11/2016), pedro_carnei (24/11/2016), Tommy_Joao (24/11/2016)

  11. #6
    Fecha de Ingreso
    06 Apr, 15
    Mensajes
    734
    Gracias
    1,707
    1,862 gracias recibidas en 586 Posts
    Mencionado
    56 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    200 Mensaje(s)

    uanRe: Autarca / militante do PS disposto a ajudar na legalização - opinem!

    Bom, então é o seguinte:

    Trata-se do Luis Figueiredo, aquele senhor que fez uma intervenção no congresso do PS, a 4 de junho passado. Podem ver aqui:https://youtu.be/J3C2hOdz4KU?t=2m46s


    Depois de obter a autorização do mesmo, divulgo aqui algumas das ideias dele:





    "Gostaria de dar algumas notas de reflexão pessoal sobre o assunto: sou favorável à despenalização, produção, distribuição e controle do estado de todas as drogas com o objetivo de liquidar as redes de tráfico!

    Segundo, goste-se ou não, os políticos decidiram a proibição da cannabis, só os políticos podem autorizar a legalização.

    Terceiro, a questão não pode ficar acantonada na "esquerda". Para a legalização, tenho a certeza que no PSD haverá votos favoráveis.

    Quarto, as petições e outras tomadas de posição: as pessoas têm medo. Eu também somente agora posso tomar estas posições: a idade, o estatuto, sou professor na ULHT, e estar com quem decide na política.

    Quinto, é necessário ter apoios internacionais: entrar em contacto com as empresas e grupos americanos e espanhóis, ver o que podem fazer, para contribuírem para a causa.

    Seis, carta aberta aos partidos políticos, organizar reuniões, convidar especialistas nas matérias, abordar a questão do ponto de vista económico, ter jornalistas a referir estas lutas, escrever para os principais jornais, todas as semanas a falar do assunto, no correio dos leitores.

    Estou disponível para ajudar. Posso até criar um movimento no PS. Agora não posso trabalhar sem rede social. Igualmente utilizar as reuniões de câmaras que são abertas ao público para pedir atenção ao problema e legalizarem a cannabis, caso por exemplo de terrenos para cultivo."

    Não são necessários muitos meios para ser eficaz e letal neste combate. Não vai ser fácil. Mas existe muita gente a pensar como eu no PS, no BE, no PAN, no LIVRE. É absolutamente necessário estar ligado em rede com Espanha, Holanda, EUA, delinear um plano estratégico e levar avante. Usar sempre dados económicos. Por exemplo, o custo da manutenção dos presos por este delito, infiltração das polícias pelas redes de tráfico, custo das policias no combate, efeito das taxas a pagar pelos consumidores após legalização, etc. Desta forma, vai ganhar a atenção dos média e dos cidadãos e dos políticos.
    "




    .................................................. .................................................. .................................................. ........................








    A ideia de partilhar isto aqui é criar uma "ponte" ou um canal de diálogo entre os intervenientes políticos e os cultivadores de canábis portugueses. Por exemplo, se quisermos ter mais visibilidade junto da imprensa, este tipo de apoio pode ser essencial.

    Penso que nenhum participante neste fórum se envergonha do que aqui publica ou diz, muito menos do facto de cultivar. Mais, devíamos ter orgulho de fazer o que fazemos, mesmo que não possamos revelar as nossas identidades.

    Depois de explorar um pouco o panorama canábico português, outros fóruns na Web, páginas e grupos no Facebook, salvo poucas exceções, fica claro que estamos entre as comunidades com mais visibilidade e credibilidade, sempre a falar português, e com uma audiência que cresce todas as semanas.

    Tendo isto em conta, é natural que sejamos um apoio a ter em conta para qualquer figura política, e também devíamos ter presença na imprensa sempre que se aborde o tema da canábis. Já tivemos oportunidade disso, através do Facebook fomos contactados por uma jornalista, mas por motivos de férias ou outras indisponibilidades dos moderadores, o pedido ficou sem resposta e os artigos foram publicados sem que a nossa voz fosse ouvida.


    Por outro lado, talvez esteja na hora de esquecer divisões partidárias e ideológicas e tentar fazer com que a legalização aconteça, pelo menos do autocultivo, que é aquilo que nos diz respeito diretamente.


    Quanto às ideias sugeridas pelo Luís Figueiredo, não vou dar a minha opinião, fico apenas à espera que me digam o que pensam, se possível de forma construtiva, e "interesseira" no bom sentido, isto é: de que forma podemos colaborar, quer tenhamos divergências ou não, de modo a fazer avançar a nossa causa.

    Estamos fartos de ver notícias sobre canábis onde a única entidade fazedora de opinião que tem tempo de antena é o Dr. João Goulão, e talvez esta fosse uma oportunidade de nos fazermos ouvir, sem ser na secção de comentários das notícias, juntamente com os trolls e os ressabiados.


    Um grupo de cultivadores, que só no Facebook tem mais de 4000 seguidores, aliado a uma figura do PS, autarca e professor universitário, que está a dar a cara por esta causa, tem muito mais credibilidade na imprensa.


    Se for verdade que pode haver apoio em outros partidos como diz o Luís Figueiredo, melhor ainda. Mas para sondar esses apoios, seria necessária a tal "carta aberta". Estou disponível para ajudar nisso, e até o farei mesmo sem ajuda, mas se o pessoal do fórum puder dar um contributo, sugerindo pontos a abordar, argumentos pró-legalização, modelos de legalização preferidos, etc... a coisa teria outro impacto, e o facto de estarmos todos envolvidos ajuda sempre na motivação.

    Quanto aos apoios comerciais, eu pessoalmente gostaria de deixar tudo separado, mas não podemos esquecer que até este fórum é financiado em grande parte por anunciantes, que tornam esta nossa comunidade possível, portanto, talvez fosse até boa ideia envolver alguns bancos de sementes, produtores de fertilizantes, lojas de cultivo, imprensa canábica, etc. neste processo. Não sei ao certo como fazer isso, mas sei que é possível. Mais uma vez, ficamos abertos a sugestões.

    Para terminar por hoje, a questão já referida de fazer um convite, mais ou menos formal, para que visitem aqui a nossa secção do fórum. Como disse, acho que qualquer pessoa que pense que somos criminosos sem escrúpulos, depois de passar alguns minutos a navegar por este fórum mudará de ideias. Acho que temos aqui um ambiente excelente, somos consistentes e ativos no combate ao tráfico e na redução de danos, somos pessoas comuns e afáveis... Enfim, penso que o fórum por si só já seria um ótimo cartão de visita para a comunidade canábica portuguesa. A questão é: como redigir esse convite e a quem o dirigir. Talvez não fosse má ideia fazer um pouco de spam controlado, enviando esse convite para os média, figuras políticas, etc.


    E agora, mesmo para terminar, acho que devíamos chegar a acordo sobre o modelo de legalização do autocultivo que pretendemos. Quantas plantas, que fiscalização, obrigatoriedade do registo de cultivadores, só contam as plantas em floração ou todas, interior/exterior, cultivos partilhados para clubes, penalizações para quem excede os limites, etc...


    Bom, por agora é tudo. E como já foi dito, isto pode até nem dar em nada, mas todos os grãos de areia contam para atingir a massa crítica em que a legalização se torna inevitável, e com o nosso contributo podemos ajudar a moldar o modelo de legalização para que o autocultivo não fique excluído. Certamente há muitos interesses que gostariam de ter o monopólio do cultivo e que tudo farão para que o cidadão comum não possa cultivar a sua própria erva.

    Abraços e até logo!
    Última edición por Foxyhaze; 24/11/2016 a las 13:02 PM

  12. Los siguientes 16 Usuarios dan las gracias a pedro_carnei por este Post:

    ahpoixeh (24/11/2016), balthorflore (01/12/2016), Foxyhaze (24/11/2016), greenThor (25/11/2016), growbloom (24/11/2016), Joaomx (24/11/2016), jpoc14 (26/11/2016), Minerarte (25/11/2016), Mister (24/11/2016), Moxu666 (02/12/2016), nico_sacco (24/11/2016), Pedro.r (24/11/2016), ptfarmer420 (24/11/2016), raditz (20/12/2016), Tommy_Joao (24/11/2016), Zurk (24/11/2016)

  13. #7
    Fecha de Ingreso
    27 Apr, 16
    Ubicación
    Madeira Island ��
    Mensajes
    80
    Gracias
    141
    409 gracias recibidas en 79 Posts
    Mencionado
    21 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    28 Mensaje(s)

    Thumbs up Re: Autarca / militante do PS disposto a ajudar na legalização - opinem!

    Em primeiro lugar, e porque acho que é algo devido, gostaria de agradecer-vos por trabalharem e ajudarem-nos a chegar a estes pequenos patamares.

    Quero começar por salientar que isto é um claro sinal que realmente começam a desmistificar-se algumas coisas e já temos a capacidade e o potencial de criar uma estrutura que mobilize a causa da despenalização e eventual legalização.

    Pelas palavras do Prof. Luis Filipe Figueiredo, que são sem dúvida positivas, é necessário estabelecer de imediato duas distinções, que são precisamente o autocultivo e em seguida todos os mecanismos de produção e venda de Canábis, seja produzida industrialmente para fins recreativos ou medicinais. Como podemos imaginar, não é fácil chegar a um consenso quanto às diferentes posições no que toca à real forma em como as coisas são estruturadas.

    Isto para dizer que, baseado nas palavras que nos foram transmitidas, acredito que tenhamos de encontrar pilares, ideias, posições em comum, de forma a conseguirmos ter uma comunidade motivada, dinâmica e ativa, mas ao mesmo tempo responsável, coerente e séria. Presumo que assim conseguiríamos um grande apoio não só do Prof. Luis Filipe Figueiredo, mas também de várias figuras públicas que, a nosso contacto ou não, olhariam para esse grupo como o grupo que pode realmente fazer a diferença.

    Na minha sincera opinião, e por muito que custe e vá contra os 'supostamente ditos' interesses de uns e de outros, temos que encontrar uma forma de nos organizar-mos e estarmos em sintonia, em prol de algo maior. Acho que são nestes momentos de temos que agarrar a oportunidade e focar-nos em soluções contornando os problemas.

    Quando formos capazes disto, podemos dividir tarefas e trabalhar em conjunto, definir objetivos em concreto. Caso contrário, temo que alguém há de se lembrar de fazê-lo à sua maneira e em virtude dos seus interesses.

    Dito isto, e dado que aqui foi falado mais o autocultivo do que o consumo medicinal, na minha opinião acredito que a apologia e um dos pontos sob os quais devemos sustentar o nosso discurso é em primeiro lugar para desincentivar o mercado ilegal e os traficantes. Acredito que esta medida em primeira instância resultaria numa diminuição da exposição das pessoas ao mercado ilegal. Isto levaria a que a sua segurança aumentasse, mas principalmente levaria a que o dinheiro que não foi direcionado para o mercado ilícito de drogas, ficasse na comunidade. Desta forma, os cidadãos que autocultivem não serão vistos e marginalizados, o que é justo, pois estão a contribuir para a comunidade.

    Sou 'novo' nisto de comentar nestes fóruns, mas ficarei atento às respostas !
    Obrigado mais uma vez e vamos lá levar isto adiante !

  14. Los siguientes 8 Usuarios dan las gracias a Joaomx por este Post:

    Foxyhaze (24/11/2016), greenThor (28/11/2016), growbloom (24/11/2016), Minerarte (25/11/2016), Moxu666 (02/12/2016), Pedro.r (24/11/2016), Tommy_Joao (24/11/2016), Zurk (24/11/2016)

  15. #8
    Fecha de Ingreso
    01 Feb, 16
    Mensajes
    30
    Gracias
    38
    126 gracias recibidas en 29 Posts
    Mencionado
    9 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    8 Mensaje(s)

    Re: uanRe: Autarca / militante do PS disposto a ajudar na legalização - opinem!

    Cita Iniciado por pedro_carnei Ver Mensaje

    E agora, mesmo para terminar, acho que devíamos chegar a acordo sobre o modelo de legalização do autocultivo que pretendemos. Quantas plantas, que fiscalização, obrigatoriedade do registo de cultivadores, só contam as plantas em floração ou todas, interior/exterior, cultivos partilhados para clubes, penalizações para quem excede os limites, etc...
    Bom dia. este ponto parece me bastante importante. acho q o projecto lei do be é um bom ponto de partida apesar de apresentar algumas lacunas no q diz respeito ao que o @pedro_carnei mencionou.

  16. Los siguientes 5 Usuarios dan las gracias a nico_sacco por este Post:

    growbloom (24/11/2016), Joaomx (27/11/2016), Minerarte (25/11/2016), Mister (24/11/2016), Tommy_Joao (24/11/2016)

  17. #9
    Fecha de Ingreso
    06 Apr, 15
    Mensajes
    734
    Gracias
    1,707
    1,862 gracias recibidas en 586 Posts
    Mencionado
    56 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    200 Mensaje(s)

    Entretanto, cuidado, porque há por aí "publicidade enganosa".

    As declarações do Dr. João Goulão continuam a fazer eco...

    http://www.rtp.pt/play/p271/e259871/dias-do-avesso (não consegui ouvir até ao fim por aqui, mas podem fazer download do mp3 aqui: http://cdn-ondemand.rtp.pt/podcasts/...1611171749.mp3)

    Isto é o serviço público de rádio, pago por todos nós. Quando é que vamos ser ouvidos?

    Para as pessoas que pensam assim, só tenho uma coisa a dizer: se não querem ver a canábis legalizada porque NÃO é perigosa, queiram vê-la legalizada porque SIM, é perigosa. O que mais me parece incrível é que estas pessoas supostamente inteligentes não são capazes de seguir uma linha de raciocínio cuja conclusão óbvia é: a proibição não funciona. Até ao nível da prevenção do consumo por adolescentes, o que parece ser a preocupação destes senhores, seria melhor. Mas estas mentes brilhantes só conseguem avançar até embater no muro intransponível das declarações do Dr. João Goulão e das estatísticas do SICAD...

  18. Los siguientes 10 Usuarios dan las gracias a pedro_carnei por este Post:

    Foxyhaze (24/11/2016), greenThor (25/11/2016), growbloom (24/11/2016), Joaomx (27/11/2016), Minerarte (25/11/2016), Moxu666 (02/12/2016), nico_sacco (24/11/2016), Pedro.r (24/11/2016), Tommy_Joao (24/11/2016), Zurk (26/11/2016)

  19. #10
    Fecha de Ingreso
    19 Jul, 10
    Ubicación
    Canabilândia
    Mensajes
    6,321
    Gracias
    7,699
    11,991 gracias recibidas en 4,203 Posts
    Mencionado
    389 Mensaje(s)
    Etiquetado
    38 Tema(s)
    Citado
    1064 Mensaje(s)

    Re: Entretanto, cuidado, porque há por aí "publicidade enganosa".

    Cita Iniciado por pedro_carnei Ver Mensaje
    As declarações do Dr. João Goulão continuam a fazer eco...

    http://www.rtp.pt/play/p271/e259871/dias-do-avesso (não consegui ouvir até ao fim por aqui, mas podem fazer download do mp3 aqui: http://cdn-ondemand.rtp.pt/podcasts/...1611171749.mp3)

    Isto é o serviço público de rádio, pago por todos nós. Quando é que vamos ser ouvidos?

    Para as pessoas que pensam assim, só tenho uma coisa a dizer: se não querem ver a canábis legalizada porque NÃO é perigosa, queiram vê-la legalizada porque SIM, é perigosa. O que mais me parece incrível é que estas pessoas supostamente inteligentes não são capazes de seguir uma linha de raciocínio cuja conclusão óbvia é: a proibição não funciona. Até ao nível da prevenção do consumo por adolescentes, o que parece ser a preocupação destes senhores, seria melhor. Mas estas mentes brilhantes só conseguem avançar até embater no muro intransponível das declarações do Dr. João Goulão e das estatísticas do SICAD...

    Uni os 2 temas. Não faz sentido abrir posts isolados,principalmente quando o assunto faz está relacionado com este. O mesmo é válido para outros tópicos, o que acontece muitas vezes é que se perdem no meio de outros.

    Também fiz uma pequena edição ao teu post, para a leitura não ser tão pesada e destacar alguns pontos. se preferires, volta a pôr como estava
    Última edición por Foxyhaze; 24/11/2016 a las 12:53 PM

  20. Los siguientes 6 Usuarios dan las gracias a Foxyhaze por este Post:

    greenThor (28/11/2016), growbloom (24/11/2016), Minerarte (25/11/2016), nico_sacco (24/11/2016), pedro_carnei (24/11/2016), Tommy_Joao (24/11/2016)

  21. #11
    Fecha de Ingreso
    19 Jul, 10
    Ubicación
    Canabilândia
    Mensajes
    6,321
    Gracias
    7,699
    11,991 gracias recibidas en 4,203 Posts
    Mencionado
    389 Mensaje(s)
    Etiquetado
    38 Tema(s)
    Citado
    1064 Mensaje(s)

    Re: Autarca / militante do PS disposto a ajudar na legalização - opinem!

    Essa parte de dos apoios comerciais é um pouco complicada,pelo menos, para ser associada ao cannabis café que, como disseste , sobrevive dos patrocinios e publicidade no fórum. Todos os bancos de sementes com sub-fóruns no CC pagam para cá estar.

    Talvez na página do facebook possamos ter patrocínios, mas ,mesmo quando foi criada ,tivemos de pedir autorização à Aicc, uma vez que estamos ligados a eles.

    Se bem me recordo, não foi levantado qualquer problema de maior e a Comunidade de Cultivo em Portugal, penso que em abril , fará 4 anos


    De qualquer forma, não vou falar mais sem saber, entretanto devemos ter alguém a postar aí que nos pode esclarecer melhor no que toca a isto. Também não é o assunto mais importante para já.
    Última edición por Foxyhaze; 24/11/2016 a las 13:39 PM

  22. Los siguientes 10 Usuarios dan las gracias a Foxyhaze por este Post:

    ahpoixeh (24/11/2016), greenThor (25/11/2016), growbloom (24/11/2016), Minerarte (25/11/2016), nico_sacco (25/11/2016), pauleta116 (25/11/2016), Pedro.r (24/11/2016), pedro_carnei (24/11/2016), Tommy_Joao (24/11/2016), Zurk (26/11/2016)

  23. #12
    Fecha de Ingreso
    30 Mar, 10
    Ubicación
    meio do mato
    Mensajes
    249
    Gracias
    533
    426 gracias recibidas en 162 Posts
    Mencionado
    10 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    11 Mensaje(s)

    Re: Autarca / militante do PS disposto a ajudar na legalização - opinem!

    Boas pessoal,

    So uma ligeira alinea, acham que temos forca suficiente enquanto membros de um forum que pertence a uma associacao canabica espanhola ou acham que devessemos criar nos proprios uma associacao canabica em Portugal?

    Ate porque seria interessante reunirmo-nos presencialmente para comecarmos a uniformizar aquilo que realmente defendemos...

    Sinceramente eu adorava que isto se tornasse uma America ate porque provavelmente ia tentar investir num negocio canabico. Mas a verdade eh que fiquei completamente chocado com as apreensoes que a policia tem feito e acredito que o autocultivo eh a prioridade. Eh que nao ha um minimo de senso comum da policia para distinguir quem cultiva para consumo proprio e quem cultiva para traficar! E ao fim ao cabo nem sei se deva achar que quem esta mal eh a policia, quando a lei eh que nao preve essa distincao. Mas adiante.

    Talvez nunca tivesse pensado tao a serio nisto porque nos meus cultivos anteriores sempre dei umas pipoquitas a amigos e nao tinha um sigilo absoluto sobre o que tinha em casa, mesmo que dentro de um circulo muito restrito.

    Mas a vida avanca, as responsabilidades aumentam e 'cresce-se' e de repente quando se acha que n ha stress desde que nada saia das quatro paredes, ve-se que nao eh NADA assim! Eh assustador, ilariante, ridiculo, nem sei k mais dizer. Eu nem uma multa de estacionamento tenho, raramente bebo e muito menos conduzo com alcool, nem tabaco fumo, e de repente ganhei nocao real que com um estalar de dedos posso ter problemas bem serios e estar constituido arguido em tribulal quando o unico acto ilegal que cometi foi meter uma semente na terra! Sim, porque tudo envolvido a volta disso foi facturado, pagou IVA e foi transactionado legalmente! Eh mesmo assustador.

    Eu acho que podiamos marcar uma presenca mais forte se formassemos uma associacao. Ate porque talvez pudessemos cativar um leque mais alargado de pessoas, um pouco como acontece na pagina do facebook...

    O que acham?

    Abracao!

  24. Los siguientes 8 Usuarios dan las gracias a greenThor por este Post:

    Foxyhaze (26/11/2016), growbloom (30/11/2016), Minerarte (25/11/2016), Moxu666 (02/12/2016), nico_sacco (25/11/2016), Pedro.r (25/11/2016), Tommy_Joao (26/11/2016), Zurk (26/11/2016)

  25. #13
    Fecha de Ingreso
    01 Feb, 16
    Mensajes
    30
    Gracias
    38
    126 gracias recibidas en 29 Posts
    Mencionado
    9 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    8 Mensaje(s)

    Re: Autarca / militante do PS disposto a ajudar na legalização - opinem!

    boas,
    http://www.sicad.pt/pt/Paginas/detal...ES&bkUrl=%2FBK
    parece q o goulão foi ao vaticano discursar rebeldia...

    relativamente à associação a estruturas espanholas ja existentes, até pode ser boa ideia mas há a forte possibilidade dos enquadramentos legais serem demasiado diferentes e perder-se, de alguma forma, a intenção que pertendemos.

    relativamente a acentar ideias, imagino q alguns dos membros do forum se conheçam pessoalmente e discutam estes temas ha bastante tempo mas parece-me necessário uma reunião presencial para juntar várias ideias e tentar criar uma base comum de entendimento.

  26. Los siguientes 8 Usuarios dan las gracias a nico_sacco por este Post:

    Foxyhaze (26/11/2016), greenThor (26/11/2016), growbloom (30/11/2016), Minerarte (25/11/2016), Pedro.r (25/11/2016), pedro_carnei (26/11/2016), Tommy_Joao (26/11/2016), Zurk (26/11/2016)

  27. #14
    Fecha de Ingreso
    06 Apr, 15
    Mensajes
    734
    Gracias
    1,707
    1,862 gracias recibidas en 586 Posts
    Mencionado
    56 Mensaje(s)
    Etiquetado
    0 Tema(s)
    Citado
    200 Mensaje(s)

    Re: Autarca / militante do PS disposto a ajudar na legalização - opinem!

    Cita Iniciado por nico_sacco Ver Mensaje
    boas,
    http://www.sicad.pt/pt/Paginas/detal...ES&bkUrl=%2FBK
    parece q o goulão foi ao vaticano discursar rebeldia...

    relativamente à associação a estruturas espanholas ja existentes, até pode ser boa ideia mas há a forte possibilidade dos enquadramentos legais serem demasiado diferentes e perder-se, de alguma forma, a intenção que pertendemos.

    relativamente a acentar ideias, imagino q alguns dos membros do forum se conheçam pessoalmente e discutam estes temas ha bastante tempo mas parece-me necessário uma reunião presencial para juntar várias ideias e tentar criar uma base comum de entendimento.
    Nico,

    Quanto à notícia do Dr. Goulão, não conheço o teor da intervenção, mas acho que não custa muito adivinhar. De resto, dos outros nomes que vi na lista de conferencistas, conheço muito pouca gente. Para além de Goulão, Fedorov, que na UNGASS já deu a entender que é conservador, e Kevin Sabet, que é do piorio, e financiado por grupos suspeitos nos EUA, só conheço Roberto Saviano, cuja invervenção via vídeo gostaria de ter ouvido, não conheço a postura dele em relação à canábis mas gosto do que li dele até agora. Mas tenho a sensação de que o facto de não conhecer a maioria dos nomes significa que são intervenientes no campo do proibicionismo, salvo uma ou outra exceção. Mesmo com a imagem liberal do Papa Francisco, seria demais esperar que no Vaticano se falasse abertamente da legalização num encontro com este perfil.

    Nomes que gostaria de ter visto na lista:

    David Nutt
    Cristina Sánchez
    Manuel Guzmán
    Raphael Mechoulam
    Carl Hart
    Gabor Maté
    Luís Patrício (para dar um exemplo português)
    e muitos outros...

    @greenThor e @nico_sacco

    A questão da associação portuguesa é muito válida, na minha opinião. Em Espanha existe a figura do cultivo partilhado, que está mais ou menos aceite pela legislação, consoante a comunidade onde estejas, e penso que é isso o principal aspeto que possibilita os clubes canábicos. Aqui não temos isso, tanto quanto sei, portanto uma associação de cultivadores ou um clube canábico de consumidores, mesmo sem cultivo partilhado, penso que seria um passo um pouco ousado (digo isto, mas não quero ser desencorajador; não conheço a lei suficientemente bem para poder dizer que isso seria impossível ou perigoso), mas uma associação com o único objeto social de informar, reduzir danos, proteger e unir a comunidade canábica, acho que seria bem possível. Basta ver as associações que se têm constituído para melhorar a vida de pessoas que usam drogas, como a CASO (http://casoportugal.wix.com/wwwwixcomcasoportugal), desde abril de 2010, o Check!n (https://www.blogger.com/profile/16476605125718954755), que não sei se é uma associação, mas que são financiados pelo IDT e pelo Instituto Piaget, dedicados à redução de danos... entre outras que podia citar agora, e outras ainda que não serão do meu conhecimento.

    Nada nos impede de criar uma associação, redigir uns estatutos, realizar uma assembleia, uma ata de constituição, registar nas finanças, etc. A associação nem precisa de ter canábis no nome. Poderia ser algo tão disparatado como "associação dos amigos do verde" ou qualquer coisa do género. Sem dúvida que isso nos daria credibilidade. Nunca criei uma associação, mas já participei em assembleias e sei mais ou menos como funciona. Envolve alguma burocracia e dá algum trabalho, mas penso que valeria muito a pena.

    Há cerca de ano e meio, quando me registei neste fórum, não estava disposto a fazer nada disto, mas depois deste tempo a cultivar, a sentir a estigmatização, o medo, a revolta de cada vez que vejo alguém como nós que é detido, a falta de acesso à canábis terapêutica por parte de quem precisa dela, a indiferença e parcialidade de certos intervenientes na cena política e mediática, as redes de tráfico sempre em alta, etc. estou disposto a participar ativamente nesta questão da criação de uma associação e em outras formas de luta. Muito sinceramente, a única coisa que não quero é dar a cara perante meios de comunicação, porque prezo muito a minha privacidade, que para mim é sinónimo de liberdade, mesmo que já fosse legal e não corresse o risco de ser detido, não ia querer dar a cara. Mas não tenho problema nenhum em encontrar-me fisicamente convosco ou com alguns de vocês para falarmos melhor sobre isto.

    @Joaomx ,

    Totalmente de acordo com o que dizes no teu último parágrafo sobre o combate ao tráfico e a redução da exposição às respetivas redes, etc. ser um dos aspetos fundamentais do nosso discurso, bem como a questão económica / fiscal. Contra isso, é impossível argumentar. Há muitos aspetos que podem ser objeto de polémica, mas esses (e mais alguns) não.

    @Foxyhaze

    Tu deves sabes melhor do que eu, e não tenho dúvidas de que a questão dos apoios comerciais possa ser incompatível com as regras do fórum. O meu "instinto" natural é 100% anti-mercantilização da canábis, mas sei que no mundo real o dinheiro faz com que causas como a nossa possam avançar. Certamente já há interesses económicos a jogar nas sombras em Portugal. Como é que o Infarmed concedeu uma licença de cultivo de canábis piscoativa à GW Pharmaceuticals e a CANAPOR, que apenas luta pelo cultivo do cânhamo industrial, tenha tido tanta dificuldade em conseguir licenças? Penso que isso se explica pelo poder económico de uma e de outra entidade, que não têm comparação possível. Ou seja, se isto for para a frente, não me custa nada imaginar a Unicer ou a Bial (que anda a desenvolver canabinoides sintéticos), por exemplo, a financiar uma fundação ou instituição qualquer no sentido de fazerem propaganda contra a legalização. Agora, admito que não sei em que moldes é que poderíamos aceitar financiamento, mesmo sendo uma associação independente da AICC. Mas mesmo na perspetiva de grande parte dos anunciantes membros da AICC, a legalização do autocultivo em Portugal seria vantajosa, penso eu, mas este fórum tem regras, e aquilo que disseste faz todo o sentido.

    Bom, vamos continuando a trocar ideias. Abraços e bom fim de semana para todos!

  28. Los siguientes 9 Usuarios dan las gracias a pedro_carnei por este Post:

    Foxyhaze (26/11/2016), greenThor (26/11/2016), growbloom (30/11/2016), Minerarte (27/11/2016), Moxu666 (02/12/2016), nico_sacco (26/11/2016), Pedro.r (26/11/2016), Tommy_Joao (26/11/2016), Zurk (26/11/2016)

  29. #15
    Fecha de Ingreso
    19 Jul, 10
    Ubicación
    Canabilândia
    Mensajes
    6,321
    Gracias
    7,699
    11,991 gracias recibidas en 4,203 Posts
    Mencionado
    389 Mensaje(s)
    Etiquetado
    38 Tema(s)
    Citado
    1064 Mensaje(s)

    Re: Autarca / militante do PS disposto a ajudar na legalização - opinem!

    Podemos começar por aqui

    devíamos ter presença na imprensa sempre que se aborde o tema da canábis. Já tivemos oportunidade disso, através do Facebook fomos contactados por uma jornalista, mas por motivos de férias ou outras indisponibilidades dos moderadores, o pedido ficou sem resposta e os artigos foram publicados sem que a nossa voz fosse ouvida.

    Poderíamos contactar a jornalista( ou jornalistas) e averiguar se estaria interessada em fazer um artigo sobre a perspectiva do cultivo para consumo e aquilo que fazemos neste fórum. Ela colocaria as questões que achasse pertinentes e nós aqui , entre todos , tentaríamos responder da melhor forma ou algo do género


    Estou a colocar isto de uma forma simplista, mas é um ponto de partida, em conjunto com a tal carta,por exemplo.
    Temos a que fizemos quando criamos a página, pode servir de base a uma nova, mas mais adequada.

    A carta pode ser consultada no tema da Comunidade de cultivo logo no início:

    http://www.cannabiscafe.net/foros/sh...a-publicitária


    Foi muita coisa falada nesse tema, nunca se sabe se não encontram por lá mais ideias que possam ir de encontro ao que pretendemos aqui.
    Última edición por Foxyhaze; 26/11/2016 a las 16:25 PM

  30. Los siguientes 8 Usuarios dan las gracias a Foxyhaze por este Post:

    greenThor (26/11/2016), growbloom (30/11/2016), Joaomx (30/11/2016), nico_sacco (26/11/2016), Pedro.r (26/11/2016), pedro_carnei (28/11/2016), Tommy_Joao (08/12/2016), Zurk (26/11/2016)

+ Responder Tema
Página 1 de 8 12345 ... ÚltimoÚltimo

Usuarios Etiquetados

Permisos de Publicación

  • No puedes crear nuevos temas
  • No puedes responder temas
  • No puedes subir archivos adjuntos
  • No puedes editar tus mensajes